21 julho 2016

Vídeo: pastor cria “pílulas do esquecimento”, unge comprimidos no Egito ...



As “pílulas do esquecimento”, apresentadas pelo pastor Flamarion Rolando, da Igreja do Evangelho Quadrangular, foram ungidas em frente às pirâmides do Egito e estão sendo distribuídas pela denominação em sua filial de Governador Valadares (MG).
A pílula seria parte de um “ato profético” que traria ao fiel a capacidade de esquecer as dores e sofrimentos pelos quais passou.
Em um vídeo, Rolando afirma que os fiéis terão um replay do milagre de Manassés: “Aqui do Egito, onde Deus visitou José, e apagou da memória dele o passado de sofrimento, nós consagramos a pílula do milagre. Quando você ingerir dessa pílula, o seu passado de sofrimento vai ser totalmente esquecido”, diz o pastor.
No vídeo publicado pelo pastor, não há informações do que são feitas as pílulas, e se há contraindicações a pessoas com problemas de saúde restritivos.
Assista ao vídeo:


Rio poluído

Flamarion Rolando é conhecido por manifestações polêmicas e não consensuais em termos teológicos.
No ano passado, quando o rompimento de uma barragem da mineradora Samarco poluiu toda a região, assim como as águas do Rio Doce, em Minas Gerais, o pastor foi ao local da tragédia ambiental e lançou sal sobre as águas, alegando que aquele “ato profético” purificaria o local.
A inspiração para o pastor quadrangular surgiu da passagem bíblica de II Reis 2, quando o profeta Eliseu lançou sal sobre as águas sobre um manancial para tornar a água potável. Na Bíblia, o milagre teve efeito imediato, e o povo pôde desfrutar da fonte. Já no caso do Rio Doce, as águas continuam poluídas, com a natureza morta às margens e os peixes, mortos.

Pastor vende sabão em pó 'ungido' e o pior que tem troxa que compra

18 julho 2016

Evangélico taxista expulsa passageira do carro por ser “satanista”- Assista



O fato aconteceu na madrugada da quinta-feira(14/06), após a musicista Eliza Schinner solicitar os serviços de um carro do aplicativo Uber. Segundo postou no seu perfil no Facebook, ela diz ter sido vitima de “intolerância religiosa”.-Confira e comente…
Segundo informações passadas pela passageira no seu perfil no Facebook, teria pedido transporte através dotaxista-evangelico-expulsa-passageira-satanista-post-faceaplicativo na madrugada do dia 14/07. O motorista veio ao encontro dela para prestar o serviço, contudo no meio do trajeto a passageira pediu para que o motorista, evangélico, pois estava com o rádio do carro sintonizado numa rádio evangélica ou ouvindo um CD de musica gospel, para desligar ou baixar o volume.
Segundo relata a musicista em seu perfil, ela afirma que o motorista ficou irritado com a solicitação e disse:”Não vou mudar a rádio, pois isso é música pro rei”, afirmou em seu post.
Eliza diz que o motorista teria se irritado a ponto de expulsá-la do carro no momento em que ela afirmou que era “satanista”, dizendo: “sai do meu carro agora! Você falou o nome de Satanás dentro do meu carro. Não admito isso. Vai sair é agora!”, conforme post.
taxista-evangelico-expulsa-passageira-satanista-saindo-do-postoPara confirmar a sua denuncia ela publicou um vídeo do exato momento que o motorista supostamente evangélico a expulsa do carro. Eliza diz que foi obrigada a sair do carro em um bairro as 2h da manhã, do nada!. Onde foi colocada pela atitude do motorista a segurança da passageira, mesmo sendo deixada em um posto de gasolina.
A empresa em comunicado afirma que: “”Definitivamente esta não é a experiência que a (empresa) Uber deseja oferecer a seus usuários. Este tipo de comportamento não é tolerado e já tomamos as providências necessárias em relação ao motorista parceiro para que situações como essa não se repitam”.
NOTA: Ficamos entristecidos por casos assim acontecerem, mas não expressa a realidade de uma grande parte dotaxista-evangelico-expulsa-passageira-satanista povo cristão/evangélico do Brasil. Um ato desnecessário por parte do taxista evangélico, que assim como o aplicativo Uber, estava prestando um serviço e o passageiro teria por direito de ser atendido as sua necessidades, independente da opção religiosa do motorista ou do passageiro.-Comente você também e diga o que pensa deste tipo de atitude.
Assista o vídeo postado por Eliza em seu perfil no Facebook e comente…